Sábado, 18 de Novembro de 2017

Coração do Brasil

Alceu Valença e Almir Sater são atrações em comemoração aos 40 anos de MS

Evento cultural terá 43 apresentações musicais e entrada é um brinquedo

8 OUT 2017Por DA REDAÇÃO09h:01

Coração do Brasil é o nome que o governo do Estado deu ao evento cultural que marcará os 40 anos de Mato Grosso do Sul. A programação será realizada nos dias 11 e 12 de outubro, no Parque das Nações Indígenas. Haverá apresentações musicais, exposições de artes plásticas e artesanato e ações sociais. A participação do público está associada à doação de um brinquedo, novo ou usado, mas em bom estado. Toda a arrecadação será distribuída para entidades sociais que atendem famílias em todos os 79 municípios.

Segundo a organização, haverá sertanejo raiz, música regional e pop em 43 apresentações musicais de artistas. Dois shows de encerramento, em cada uma das datas, envolvem grandes nomes, como  Almir Sater (dia 11) e Alceu Valença (dia 12).

O Coração do Brasil começa no dia 11 de outubro (quarta-feira), às 17 horas, com o show Sertanejo Raiz, que contará com apresentações de alguns dos mais importantes nomes da música tradicional de Mato Grosso do Sul. Entre eles, Aurélio Miranda, Beth e Betinha, Delinha, Dino Rocha e Marcelo Loureiro. Às 18h15min começa o show Regional, com Paulo Simões, Geraldo Espíndola, Guilherme Rondon, Grupo Acaba, entre outros. 

No dia 12, às 9h, haverá apresentações teatrais, de circo e dança, mostra de artesanato e visitas mediadas de estudantes ao Museu de Arte Contemporânea (Marco).

As apresentações musicais têm início às 17h, com o show Samba. Zé Carlos da Vila Carvalho, Jucy Ibanez e Gideão Dias são algumas das atrações. Os artistas da nova geração se apresentam a partir das 18h15min, no show Pop (Beget de Lucena, Chicão Castro, Marina Peralta, Vinil Moraes, entre outros).

O encerramento – marcado para as 20h – fica por conta de um dos artistas mais importantes da música popular brasileira: Alceu Valença, com seu jeito irreverente, figurinos criativos e performance marcante. O músico levará ao palco clássicos como “Morena Tropicana”, “Coração Bobo” e “Como Dois Animais”.

Leia Também